Em 2012, as acções adquiridas pela AAA, estavam avaliadas em USD 100 milhões.

A Inpal-Investimentos e Participações Lda, uma sociedade gestora de investimentos angolana, tornou-se, recentemente, no novo accionista do Standard Bank Angola, após ter adquirido 49% das acções que AAA detinha naquela instituição bancária. O presidente da AAA-Activos, Carlos Manuel de São Vicente, confirmou à imprensa a negociação sem, no entanto, dar detalhes sobre o processo. AAA Activos chegou a comprar a participação de 49 % no Standard Bank Angola em 2012 por USD 100 milhões, sendo, até então, um dos sócios maioritários do gigante sul-africano. Os restantes 51 % são detidos pelo Grupo Standard Bank.

Acredita-se que a actual conjuntura económica e financeira do país terá desmotivado a AAA- Activos a permanecer na estrutura accionista do banco. Até ao fecho desta edição OPAÍS tentou contactar o Standard Bank Angola para obter uma reacção, mas sem sucesso. O Standard Bank Angola obteve no ano passado resultados líquidos de Kz 5.238 milhões, o que representa um aumento de mais de 134%, em relação ao ano de 2014. No mesmo período, o banco registou um crescimento de 34 % nas suas receitas totais, ao ter atingido Kz 17.881 milhões.

Em comunicado, a instituição bancária diz que o crescimento do crédito concedido a clientes foi de 20% relativamente a 2014. Já nos depósitos de clientes, o banco registou um crescimento de 47 %. No total de activos, o Standard Bank de Angola alcançou Kz 298.412 milhões, o que representa um aumento de 47 %. Em Angola desde 2005, a instituição bancária possui 22 balcões nas províncias de Cabinda, Luanda, Benguela, Cuanza Sul, Huíla e Namibe. O Standard Bank é a instituição financeira de maior implantação no mercado africano.

Bodiva registou 24 negociações na última semana

A Bodiva, Bolsa de Dívidas e Valores de Angola, registou, durante a semana de 02 a 06 de Maio 24 negociações, correspondentes a 4.617 títulos de Obrigações do Tesouro (OT), num montante de USD 5.093.134,83, o que representa, face à semana anterior (25 a 29 de Abril), uma diminuição de 43,65 % no número de negócios. O volume de negócios ascendeu a mais de USD 5,093 milhões, o que traduz uma quebra de 49,36% relativamente à semana anterior. Na semana compreendida entre 25 e 29 de Abril haviam- se registado 33 negócios, Relativamente ao desempenho dos agentes de intermediação, na última semana as operações de registo foram realizadas pelo Banco de Fomento Angola (BFA), com 94,77%, e Banco Angolano de Investimentos (BAI), com 5,23% do total das negociações registadas.