O Portal Bancos de Angola

É um espaço informativo de divulgação e educação voltado ao sector bancário angolano, suas ofertas, promoções, entrevistas, matérias, cotações, etc. Não devendo ser interpretado como substituto das entidades reguladoras do sector financeiro.

Preço do dólar caiu desde Janeiro 22%

São boas notícias para o país: o preço do dólar caiu cerca de 22% desde o início do ano. Tendo chegado a valores exorbitantes, chegando a alcançar os 500 kwanzas o dólar, a semana passada volta a descer, no mercado de rua, e actualmente o preço do dólar está a 390 kwanzas. 

Em causa está uma nova quebra na cotação do mercado informal, que no espaço de uma semana desceu duas vezes. É de relembrar que as limitações ao acesso a estas divisas nos bancos ainda é muito limitada, e por isso, cada vez mais se tem recorrido ao mercado informal para se obterem algumas destas divisas, agora tão escassas.

No início de Janeiro o valor de cada dólar vendido no mercado de rua chegou a atingir o pico de 500 kwanzas, equivalente a 2.85 euros.

Dólar cai para 390 Kz no mercado de rua

Esta actividade ilegal feita principalmente pelas Kinguilas de Luanda, continua a ser justificada pela falta de divisas que se tem sentido no mercado, devido à grande limitação imposta pelos bancos.

Isto faz com que o preço praticado no mercado informal dispare, pois a falta de kwanzas para realizar as trocas de divisas acaba por valorizar a moeda nacional.

Em Junho, Julho e Agosto do ano passado, o preço do dólar no mercado de rua chegou a atingir valores históricos, rondando os 630 kwanzas.

O Banco Nacional de Angola implementou uma nova legislação que impede o levantamento da moeda estrangeira nas contas dos bancos nacionais (apenas a não residentes cambiais), em vigor desde Fevereiro, o que poderá levar a mais um foco de pressão na cotação da moeda no mercado informal.

Em Dezembro, o BNA garantiu que não se previa uma nova desvalorização da moeda nacional, devido à estabilização dos preços, que se mantém uma tendência, e já se sentiu melhoras, tendo vendido aos bancos mais de 600 milhões de euros por semana em Janeiro, valores máximos de divisas desde a crise.

No entanto, as vendas de divisas têm vindo novamente a descer, tendo atingido em Fevereiro um valor de 200 milhões de euros por semana.

O Banco nacional de Angola reitera a importância para a preservação do valor da moeda nacional, reiterando que todos os esforços estão a ser feitos para tal, especialmente tendo em conta a actual tendência de estabilidade dos preços, assim como a desaceleração da taxa de inflação.

Actualmente as taxas de câmbio encontram.se em cerca de 166 kwanzas por dólar americano, valores ainda superiores a 2014, quando o dólar estaria a aproximadamente 100 kwanzas.




Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Conteúdo Protegido !!