O Portal Bancos de Angola

É um espaço informativo de divulgação e educação voltado ao sector bancário angolano, suas ofertas, promoções, entrevistas, matérias, cotações, etc. Não devendo ser interpretado como substituto das entidades reguladoras do sector financeiro.

Plano geral de contabilidade de Angola ajustado

Plano geral de contabilidade de Angola está neste momento a ser ajustado a todas as exigências feitas, as quais se encontram assentes nas normas internacionais. Esta declaração foi feita pelo próprio Presidente do conselho directivo da OCPCA – Ordem dos Contabilistas e Peritos Contabilistas de Angola, quando ele procedia à abertura do 1º fórum feito por esta instituição.

Júlio Sampaio fala em grandes desafios na adopção das normas internacionais

O presidente do conselho directivo da OCPCA, Júlio Sampaio, admitiu que a adopção destas normas internacionais se mostra como um grande desafio para os contabilistas angolanos, principalmente no que toca à necessidade dos profissionais se familiarizarem com os preceitos, assim como proporcionar acções de formação a todos os membros.

Não há muito tempo, o Banco Nacional de Angola lançou uma directiva onde tornava obrigatória a adopção das normas internacionais de contabilidade para todas as instituições financeiras que estavam sob sua supervisão.

O BNA ainda prevê que estas normas sejam adoptadas pelas grandes empresas a actuar no país, particularmente as que estejam para ser cotadas em bolsa, assim como aquelas que têm participações financeiras dos investidores externos.

A OCPCA já lançou uma proposta ao Ministério das Finanças, a qual tem em vista a constituição de uma comissão nacional de normas contabilísticas, de forma a que se proceda à revisão deste plano geral de contabilidade, o que se encontra em vigor, para que este se adeque às normas internacionais.

Vicksom Ncube, chefe do escritório executivo da PAFA (Federação Pan-africana dos Contabilistas e Auditores), deixa claro que a instituição continental tem como principal função acelerar o crescimento desta profissão no continente africano, mas também tem como função primária dar voz aos profissionais ao nível mundial.

Ainda acrescentou que, nesta altura, a PAFA está a trabalhar num relatório que tem como objectivo compreender o estado da contabilidade de cada um dos países, para que os mais experientes possam passar a experiência ganha aos países que se encontram em fase inicial, e os quais mais precisam de ajuda.

Relatório financeiro e solicitação total de contas são fulcrais para a economia

Quem o diz é Aia Eza Gomes da Silva, tendo em conta que estes instrumentos deixam as empresas em igualdade de circunstâncias, e por isso favorece a concorrência leal, assim como a tributação das actividades económicas justa.

Afirmou ainda que o mercado de capital tem um papel muito importante no que toca ao desenvolvimento de um sistema financeiro que se mostre sustentável e robusto, por ser este o terceiro segmento do sistema financeiro, além de ser uma alternativa importante para o financiamento das economias.




Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Conteúdo Protegido !!