O Portal Bancos de Angola

É um espaço informativo de divulgação e educação voltado ao sector bancário angolano, suas ofertas, promoções, entrevistas, matérias, cotações, etc. Não devendo ser interpretado como substituto das entidades reguladoras do sector financeiro.

Operações de bancos angolanos em Portugal

Infelizmente, as instituições bancárias angolanas que operam em Portugal não são conhecidas internacionalmente, como outros bancos da América Latina. Porém, nos últimos meses elas vêm crescendo em número e negócios realizados. E o facto de serem pequenas não significa que dão baixos lucros. O ritmo constante de operações e negócios realizados recentemente gerou um lucro significativo para essas instituições. A seguir, podemos ver a história desses bancos em Portugal.

Actualmente, cinco bancos operam em Portugal: Banco BIC Portugal, Banco Atlântico Europa, Banco Angolano de Negócios e Comércio (BANC), Banco Angolano de Investimentos Europa (BAI Europa) e Banco de Negócios Internacional Europa (BNI Europa). Este último tem operações recentes no país, iniciando em 15 de julho. Já o BANC começou a actuar em Portugal em novembro de 2013, não apresentando até o momento contas semestrais.

Segundo analistas bancários, o mais lucrativo é o BIC Portugal. Não somente pela sua dimensão, mas também pelas operações em longa escala que permitem operar em depósitos. Desde que comprou o BPN, ele tornou-se um dos maiores bancos do mercado luso. Nos primeiros meses desse ano, ele apresentou um lucro de 3,63 milhões de euros, o que é um valor positivo, levando em conta que em 2013 o BIC teve um prejuízo de quase 2,5 milhões de euros.

Após muito meses, os bancos que operam por mais tempo em Portugal lucraram cerca de nove milhões de euros, somente do primeiro semestre desse ano. Futuramente, isso pode significar para o país, tanto em Angola como em Portugal, uma pequena queda na inflação e mais possibilidades para a abertura de empréstimos para empresários. Em Angola, a velha crise dos bancos ao não concederem esses empréstimos pode acabar.




Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Website Protected by Spam Master


error: Conteúdo Protegido !!