O Portal Bancos de Angola

É um espaço informativo de divulgação e educação voltado ao sector bancário angolano, suas ofertas, promoções, entrevistas, matérias, cotações, etc. Não devendo ser interpretado como substituto das entidades reguladoras do sector financeiro.

BNA aumentou as vendas de divisas para mais de 33% na semana passada

BNA divisas semanais

Luanda | Por Stélio Feijó em PBA – Notícias

As vendas de divisas aos bancos comerciais efectuadas entre 25 à 29 de Maio, segundo anunciado ontem pelo BNA, cifraram-se em 400 milhões de Dólares Norte Americanos, mais de 33% de aumento em relação às três semanas imediatamente anteriores, onde foram vendidos em média USD 300 milhões por semana à banca comercial.

A taxa de câmbio média de referência do mercado cambial interbancário, apurada ao final da semana foi de USD=Kz 110,868.

Sugere-se que este significativo aumento, baseia-se na resolução assumida na última reunião conjunta das comissões Económica e para a Economia Real, do Conselho de Ministros onde José Pedro de Morais Júnior , governador do BNA reconheceu que os bancos comerciais não têm tido capacidade para satisfazer a procura de divisas.

Em declarações à imprensa, José Morais Júnior disse: “O BNA recebeu mandato [do Governo] para tomar as medidas necessárias para descomprimir, na medida do possível, esta pressão ao nível do mercado cambial, para evitarmos situações de roturas de ‘stock’, para resolvermos alguns problemas que se começam a colocar com grande acuidade a nível dos operadores económicos”.

“Com as medidas que vamos tomar, cremos que a situação se vai começar a resolver paulatinamente”, acrescentou o governador.

Os principais afectados pela compressão na venda das divisas têm sido as empresas, cujo funcionamento depende em grande parte da importação de matéria prima e mesmo bens finais do exterior do país, com esta medida o governo prevê repor a normalidade nas trocas comerciais, garantindo assim um equilíbrio económico no mercado nacional.

À parte de qualquer medida, realçamos que os bancos comerciais continuam a aplicar suas respectivas políticas associadas à venda de divisas, por forma a manter maior controle neste sentido e mesmo a racionalizar a venda, o que de maneira geral pouca atenção se dava até antes da baixa no preço do petróleo.

 




Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Website Protected by Spam Master


error: Conteúdo Protegido !!