O Portal Bancos de Angola

É um espaço informativo de divulgação e educação voltado ao sector bancário angolano, suas ofertas, promoções, entrevistas, matérias, cotações, etc. Não devendo ser interpretado como substituto das entidades reguladoras do sector financeiro.

BCP reafirma fusão do Millennium Angola com o Banco Atlântico

 

Quem somosfonte: ANGONOTÍCIAS

O BCP não prevê que o pedido de assistência financeira de Angola ao FMI ponha em causa a fusão anunciada entre o Banco Millennium Angola e o Banco Privado Atlântico. Fonte da gestão do banco diz que “não vemos porque deveria haver uma relação entre a fusão dos bancos em Angola e o pedido de resgate do país ao FMI”. Fonte do ‘board’ reafirma a fusão dos bancos em Angola, anunciada a 9 de Outubro de 2015.

Apesar de inicialmente estar prevista para ocorrer até ao fim do primeiro trimestre do ano, a verdade é que atrasos nas autorizações provocaram um adiamento.
 A operação de fusão tem de ser aprovada pelas assembleias gerais dos dois bancos angolanos, necessitando ainda da não oposição dos supervisores: o Banco Nacional de Angola (BNA) e o Banco Central Europeu (BCE). Também a Direcção Geral da Concorrência da União Europeia (DG-Comp) será informada sobre o processo pelo BCP.
Segundo o Económico soube, em Angola a autorização do regulador bancário está em vias de ser concedida. E o BCP espera que a fusão avance ainda antes de o FMI chegar a Angola. Pois que ainda só agora vão começar as negociações com a instituição liderada por Christine Lagarde.
O governo angolano fez um pedido dirigido ao Fundo Monetário Internacional para um Programa de Financiamento Ampliado para apoiar a diversificação económica a médio prazo. O efeito da queda do preço do petróleo – matéria-prima que vale 70% da receita fiscal do estado angolano – é a justificação avançada para o pedido oficial de Luanda, que começará a ser negociado ainda este mês.




Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Conteúdo Protegido !!