O Portal Bancos de Angola

É um espaço informativo de divulgação e educação voltado ao sector bancário angolano, suas ofertas, promoções, entrevistas, matérias, cotações, etc. Não devendo ser interpretado como substituto das entidades reguladoras do sector financeiro.

Banco Nacional de Angola promete facilitar uso de cartões de crédito no estrangeiro.

dolares

 

 

Fonte: A bola

 

O Banco Nacional de Angola (BNA) promete «mecanismos financeiros a curto prazo» para uso no estrangeiro de cartões de créditos emitidos por bancos angolanos.

 

Depois de vários bancos angolanos terem anunciado fortes limitações à utilização de cartões de crédito fora do país, devido à crise cambial pela falta de divisas decorrente da crise petrolífera, o BNA prometeu esta quinta-feira «mecanismos financeiros» que permitam a utilização regular de cartões de crédito fora do país.

 

«O atual cenário da economia angolana, designadamente no âmbito da execução da política cambial definida pelo governo, tem determinado um maior rigor na afetação dos recursos», destaca, em comunicado, o BNA.

 

Em causa está a diminuição nos `plafonds´ dos cartões Visa de alguns bancos, quando utilizados no estrangeiro, e até mesmo o cancelamento do cartão Mastercard de, pelo menos, uma instituição bancária angolana, já a partir do final deste mês.

 

Na mesma nota, o banco central alerta que, de acordo com a regulamentação vigente, «quaisquer alterações que se verifiquem no âmbito dos contratos de emissão de cartões de crédito, devem obrigatoriamente respeitar o prazo de pré-aviso de 45 dias» e a respetiva aceitação do cliente.




3 thoughts on “Banco Nacional de Angola promete facilitar uso de cartões de crédito no estrangeiro.

  1. Emanuel Machado

    Como sabemos a cotação indicada no lado direito não corresponde à realidade. Não conheço nenhum Banco a fazer menos de 172 AKz. Mesmo nas transacções com Cartões de Credito o Banco Atlantico por exemplo pratica além da cotação indicada no seu portal + 30/40 % acrescida ds condições de transacções. Também vejo as moedas a serem transaccionadas a 400/430AKz (USD) na rua e as notas são novinhas em folha, com cinta e tudo – de onde vêm percebe-se logo.
    Infelizmente é a realidade que os que necessitam de honrar os seus compromissos têm de sujeitar-se.
    Obrigado por esta oportunidade que me deram de poder indicar algo muito pouco que conheço e que infelizmente estou a passar por mais problemas além destes com quem me solicitou por Contrato Serviços Prestados por conta de outrem e já vão 3 vencimentos em falta, para além de ter perdido no cambio 30% em 3 meses do meu vencimentos.
    Obrigado e os meus cumprimentos a todos.
    Emanuel

    Reply
  2. Sequeira Carimi Augusto

    Na minha forma de ver ou pensar, Todo gestor de uma instituição deve criar politicas nos bons ou má momentos da instituição, de formas a melhorar ou superar a dificuldade. Deste modo, os gestores do BNA, fizeram o mesmo.Tenho certeza que esta medida de credito de cartoes pars usar no exterior, vai minimizar a situação, mas devido a burocracia, a menoria é que irá beneficiar. Em suma, o BNA deve criar mais politicas por que so essa nao é suficiente.

    Reply
    1. Washington Freitas

      Saudações prezado,

      Agradecemos seu comentário, estaremos sempre postando noticias sobre o tema.
      Se mantenha ligado em nosso Portal como também em nosso Facebook.

      Reply

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Website Protected by Spam Master


error: Conteúdo Protegido !!